quinta-feira, 2 de abril de 2020

JUDÔ

Judô alvinegro tem excelente rendimento no Torneio Inter-Regional - 2013


O Botafogo não cansa de mostrar que "noutros esportes tua fibra está presente". Conhecido pela sua força histórica nos esportes olímpicos, agora o clube também vem se destacando no Judô. Em parceria com a Esporte Rio, o clube ficou na quinta colocação geral no Torneio Inter-Regional, disputado no último final de semana, em Queimados.


Na competição, o clube obteve 8 medalhas de ouro, 4 de prata e 3 de bronze. A competição envolveu um total de 60 agremiações. A próxima etapa da competição será disputada no dia 17 de agosto.


Na competição, o clube obteve 8 medalhas de ouro, 4 de prata e 3 de bronze. A competição envolveu um total de 60 agremiações. A próxima etapa da competição será disputada no dia 17 de agosto

Fonte: blogdojucajunior.blogspot.com

-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-
JUDÔ EM ALTA


“O Botafogo esteve presente no último final de semana no Campeonato Estadual e Intercolegial de Judô. Com mais uma bela atuação, a equipe alvinegra conquistou 7 medalhas de ouro, 6 medalhas de prata 4 de bronze no Estadual. Já no Intercolegial os atletas do clube alcançaram a segunda colocação geral no feminino e a terceira no masculino.”



“No Estadual, os destaques ficaram por conta dos atletas Victória Cristina de Souza Tibúrcio, Victor Hugo Moraes de Oliveira, Mariana Vasconcelos da Silva Menezes e Emellin dos Santos Damasceno. Victória conseguiu ganhar medalha de ouro em 4 classes diferentes (Sub 18, sub 21, sub 23 e sênior); Victor venceu o atual campeão brasileiro; Mariana e Emellin derrotaram nas finais as atletas que representaram o Rio de Janeiro no último Campeonato Brasileiro e  Mariana também conseguiu uma medalha de prata.”

“No Intercolegial, o colégio onde os alvinegros estudam e têm bolsas de estudo (triângulo), ficou com a segunda colocação geral no feminino e terceira colocação geral no masculino. Com destaque para os atletas Lucas Borges, Victória Cristina de Souza Tibúrcio, Joyce Marques Michael Lima, Felipe Isaías Simão Farias, Lucas Salandra de Alcântara e Philipe Rocha Blese, todos campeões individuais.”

Fonte: Sítio Oficial do Botafogo; fonte das Imagens: a 1ª é reprodução do Departamento de Futebol Society do Botafogo (via Facebook) que engloba o Judô; a 2ª é do Sítio Oficial do Botafogo.
-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-

BOTAFOGO EM DESTAQUE NA XI COPA RIO INTERNACIONAL DE JUDÔ - 2014


O Botafogo foi destaque na XI Copa Rio Internacional de Judô, realizada no Centro Esportivo Miécimo da Silva, em Campo Grande, entre os dias 5 e 7 de setembro de 2014, sob o patrocínio da Federação de Judô do Estado do Rio de Janeiro (FJERJ). O evento reuniu perto de 1.500 atletas.

O nosso Clube foi medalha de ouro no Troféu Paulo Fernando de Menezes (sub 15), medalha de bronze no Troféu Marco Aurélio da Gama e Silva (sub 13) e medalha de bronze na Classificação Geral, mercê de 8 medalhas de ouro, 4 de prata e 4 de bronze.

Eis os principais resultados do Botafogo:

Classe Sub 15
TROFÉU PAULO FERNANDO DE MENEZES

1º BOTAFOGO DE FUTEBOL E REGATAS (RJ): 3 ouros; 1 prata
2º Clube de Regatas do Flamengo (RJ): 2 ouros; 2 bronzes
3º Associação Desportiva Guarujá (SP): 2 ouros

Classe Sub 13
TROFÉU MARCO AURÉLIO DA GAMA E SILVA

1º Judô Comunitário Instituto Reação (RJ): 3 ouros; 1 bronze
2º Sociedade de Ginástica Porto Alegre (RS): 3 ouros
3º BOTAFOGO DE FUTEBOL E REGATAS (RJ): 2 ouros; 2 pratas; 2 bronzes

Geral
TROFÉU GERALDO MORAES BERNARDES

1º Judô Comunitário Instituto Reação (RJ) 14 ouros; 7 pratas; 16 bronzes
2º Minas Tênis Clube (MG): 12 ouros; 8 pratas; 11 bronzes
3º BOTAFOGO DE FUTEBOL E REGATAS (RJ): 8 ouros; 4 pratas; 4 bronzes

Sub 13 – Feminino // Leve, -38kg
1º. KARLA BEATRIZ PEREIRA (BOTAFOGO FR)
2º. Rejane Ricardo de Moura (EJCLAUDIOLEO)

Sub 13 – Masculino // Meio-Médio, -42kg
1º. DANIEL SANTOS DAMASCENO (BOTAFOGO FR)
2º. Caua Aguiar Galdeano (OARAUJ)

Sub 15 – Feminino // Médio, -58kg
1º. JOYCE MARQUES M. LIMA (BOTAFOGO FR)
2º. Giovana Polola Lopes (Fluminense FC)

Sub 15 – Feminino // Meio-Pesado, -64kg

1º. SUIANE ATAYDE DA SILVA (BOTAFOGO FR)
2º. Fernanda Chagas da Silva (Vila Olímpica de Queimados)

Sub 15 – Masculino // Ligeiro, -40kg
1º. VICTOR HUGO MORAES DE OLIVEIRA (BOTAFOGO FR)
2º. Alcy de Moura Júnior (Brasil Vale Ouro)

Sub 18 – Feminino // Super-Ligeiro, -40kg
1º. VICTORIA CRISTINA DE SOUZA TIBURCIO (BOTAFOGO FR)
2º. -

Sub 18 – Masculino // Leve, -66kg
1º. PATRICK CARLSON M. LOPES (BOTAFOGO FR)
2º. Gustavo Cação (Grêmio – RS)

Sub 21 – Femino // Super-Ligeiro, -44kg
1º. VICTORIA CRISTINA DE SOUZA TIBURCIO (BOTAFOGO FR)
2º. Paloma Aline Cassimiro (Minas Tênis Clube)

Fonte: Pesquisa de Rui Moura (blogue Mundo Botafogo); Fonte: Portal da FJERJ / Reprodução. 2014



quarta-feira, 1 de abril de 2020

POLO AQUÁTICO

POLO AQUÁTICO

O BOTAFOGO sagrou-se Vice-Campeão no dia 10 de agosto, do "1o Torneio de Jovens” de 1976, ao ser derrotado na partida final pelo placar de 10 x 8, na terceira prorrogação, frente a equipe do Canto do Rio.
O time formado neste ano e que naturalmente não possuí o entrosamento necessário, apresentou uma trajetória invicta e só foi derrotado na partida final por culpa exclusiva de uma atuação desastrosa e porque não dizer facciosa do árbitro da peleja, Sr. Domingos Milione, que com seus atos fez. ir por terra um dedicado trabalho do treinador Edson Perry e dos nossos jovens atletas.
O nosso Vice-Presidente de Desportos Aquáticos, Dr. Rogério Carneiro, revoltado e inconformado com os fatos, que não ocorreram apenas  neste jogo, mas que vem se repetindo nas diversas competições em que o BOTAFOGO se faz representar, oficiou à Federação Metropolitana de Natação relatando os fatos ocorridos.
Entre as reclamações efetuadas, esta a de que o referido árbitro, numa atitude intempestiva, atirou a bandeira que estava às suas mãos, na direção de um sócio do nosso clube, que reclamava contra sua parcialidade, tendo o objeto ido de encontro ao bebedouro danificando-o.
O árbitro é, também acusado de transformar partidas fáceis em verdadeiras batalhas campais, denotamdo uma completa instabilidade emocional.
Tendo em vista os fatos acima mencionados, o BOTAFOGO vetou este juiz para os seus futuros jogos.

A EQUIPE VICE-CAMPEÃ

Marcos R. Nascimento, Henrique Carlos Javour, Izio Colud, Amanvio Camilo dos Santos, Marcos Guimarães da Fonseca, Solon dos Santos (artilheiro do campeonato), Jairo Ramos do Nascimento, Marcio César de Barros, Paulo Francisco de Abreu e Antonio José Custodio. O treinador é o Edson Perry (Barriga) .

A estes Valorosos atletas e a seu dedicado treinador, as congratulações da REVISTA BOTAFOGO.


Fonte: Boletim Oficial do Botafogo no 223 de setembro de 1976
-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-POLO-AQUÁTICO
É CAMPEÃO BRASILEIRO (Invicto)


Sagrou-se de forma sensacional, campeão Brasileiro de Pólo-Aquático (Rio-São Paulo), a equipe Principal do BOTAFOGO.
Após uma campanha magnífica - sem perder uma partida sequer – em 7 pelejas, o GLORIOSO foi abatendo seus adversários um a um. Mais uma vez, a direção da equipe coube ao campeonissimo Prof. Edson Perri (Barriga), que assim, colhe mais um título expressivo para sua grande coleção.
O Campeonato foi realizado no Rio de Janeiro no período de 8/9/78 a 14/10/78. Estreamos no dia 8 de setembro, empatando com a equipe do E.C. Pinheiros por 7 x 7 - na piscina do Fluminense Gols: Carlinhos 2, Walter 3 e Solon 2. Em 23/9, obtivemos o primeiro triunfo ao derrotar a equipe da Gama Filho pela contagem de 8 X 3  na piscina do Guanabara. Gols: Walter 3, Solon 2, Barbosa 2 e Alijó 1. Na sexta-feira, dia 29/9, perdemos para o Fluminense na piscina do Guanabara, por 8 x 6. Gols: Carlinhos 2, Barbosa 2 e Walter 2. Nossa equipe fez as pazes com a vitória no dia 30/9, ao abatermos o Tijuca por 9 x 4, no Mourisco. Gols: Solon 3, Walter 3, Guilherme 2 e Carlinhos 1. Na quinta-feira, dia 6/10, vencemos o Paulistano por 10 X 5 - piscina do Fluminense. Gols: Walter 4, Danilo 2, Carlinhos 2, Solon e Renê 1. O maior placar obtido, foi na peleja do dia 7/10 na vitória por 14 x O frente o Harmonia de são Paulo, na piscina do Guanabara. Gols: Carlinhos 5, Solon 4, Walter 2, Danilo 2, Guilherme e Renê 1. Encerrando com chave de ouro a disputa, o BOTAFOGO venceu o Guanabara na partida decisiva, por 7x4, no Mourisco-Pasteur, no sábado, 14/10/78. A peleja, bastante disputada, foi realizada em nossa piscina do Mourlsco-Pasteur e os gols foram assinalados por: Walter 5, Solon 1 e  Carlinhos 1.
Os atletas Campeões são os seguintes: Raul Rozeno Soares, Renê Nogueira de Paiva, Danilo de Sá Gonçalves, Carlos Eduardo de Carvalho (Capitão), Guilherme A. Carvalho, Solon dos Santos, Eduardo Corrêa Barbosa, Walter Carlos O. Bohrer, Eduardo Alijó Neto, Antônio José Moraes Gondim e Carlos Eduardo P. Magalhães.

Os parabéns de todo o BOTAFOGO aos grandes Campeões Brasileiros de 1978, do Pólo-Aquático.

FLASHES

- O BOTAFOGO disputou a Taça Carioca de Pólo-Aquático, onde dividiu o título máximo com a equipe do Fluminense.
- No ano passado, o Calendário foi bastante trancado, devido a disputa de diversas competições por parte da Seleção Brasileira.
Sendo assim, não foi realizado o Campeonato Carioca de Pólo-Aquático - categoria Principal, por inteiro (Taça Carioca,  a que nos referimos). 
- Como dissemos, o GLORIOSO dividiu o título da Taça Carioca com o Fluminense.
Atuamos 2 vezes apenas.
- A primeira foi no dia 18/10/78, em nossa piscina no Mouriseo-Pasteur, quando derrotamos a Gama Filho, por 4 x 3.
A segunda, registrou um empate em 10 x 10 com o Fluminense, na piscina do tricolor.
- As equipes de Pólo-Aquático estão preparando-se para a temporada deste ano, com treinos intensivos no Mourisco-Pasteur.
- Na Taça Carioca de Pólo-Aquático, nossos artilheiros foram: partida contra a Gama Filho: Walter 2, Solon 1
e Carlinhos 1. Contra o Fluminense, Solon marcou 7 tentos, Guilherme 2 e Alijó 1.
- Ainda sobre o brilhante feito, que foi a conquista invicta do Campeonato Brasileíro, Carlinhos, Solon, Guilherme, Walter e Antônio Jose, participaram de todas as pelejas. Logo em seguida vêm, Renê e Danilo, com 6 atuações; Barbosa, Alijó e Carlos Eduardo, com 5 atuações.

- Levamos em consideração, no que se refere às atuações dos atletas o número de vezes em que ele foi inscrito para a disputa das partidas, mesmo que ele não tenha sido utilizado durante o decorrer das pelejas.

- O time base da campanha foi o seguinte: Antônio José (goleiro) Carlinhos (Capitão), Solon, Walter, Guilherme, Alijó e Barbosa.

Fonte: Boletim Oficial do Botafogo no 235 de jan/mar de 1979

-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-
BOTAFOGO CAMPEÃO INVICTO DO TORNEIO RIO-SÃO PAULO


O Botafogo fez a melhor campanha cinco vitórias em cinco jogos, 44 gols marcados e 25 contra e mereceu o titulo do Torneio Rio-São Paulo de Pólo Aquático. O Pinheiros, com uma derrota, justamente para o Botafogo, nas cinco partidas, é o vice-campeão. Para dirigentes, técnico e jogadores que acompanharam os seis dias de competição, foi a vitória da lógica, "do grande favoritismo do time carioca". Mais modesto, o técnico Edson Perry (Barriga), concluiu que o Botafogo apenas soube suportar "a seqüência desgastante de jogos":
Houve um dia que tivemos de jogar duas partidas e ainda enfrentamos o Fluminense duas vezes, por causa da partida anulada. Foi uma maratona e o Botafogo usou todo seu bom preparo físico. Ganhamos o titulo merecidamente.
Para o Botafogo, a partida decisiva foi jogada contra o Pinheiros. 'Venceu bem, por 11 a 0, apesar de ter encontrado muita dificuldade e só ter conseguido definir o jogo no último quarto de tempo.
Com quatro gols, mais uma vez Sólon foi ,seu artilheiro e Carlinhos um jogador muito técnico.
Na sua campanha, o BFR contou com Raul Soares, René Paiva, Selim, Carlinhos, Bohrer, Solon, Manfredi, Guilherme, Patfo Abreu, Khoury e André.

CLASSIFICAÇÃO FINAL

1o  - Botafogo (campeão), 10 pontos;
2o  - Pinheiros (vice), 8 pontos;
3o  -  Gama Filho, 6 pontos;
4o  -  Fluminense, 4 pontos;
5o  -  Paulistano, 2pontos; 
6o  - Harmonia, 0 ponto.

CAMAPEÃO INVICTO

Ainda este ano, o BFR conquistou o titulo de Campeão Invicto do Torneio Aberto de Adulto, da Cidade do Rio de Janeiro, patrocinado pela Federação Aquática, com a participação de seis clubes do Rio e dois de São Paulo.

Atletas que participaram do Torneio:

Raul Rozeno Soares (goleiro); René Nogueira de Paiva, Selim Zelaquett Khoury, Carlos Eduardo Carvalho (capitão da equipe), Walter Carlos Oliveira. Bohrer, Solon dos Santos, Sylvio Marnfredi, Guilherme Antônio Carvalho, Isio Golub, Antonio Zelaquett Khoury, Antonio José Moraes Gondim, Oswaldo Dias de Andrade Junior e Alberto Celso Brito da Silva Alves.

O artilheiro do Torneio Aberto foi o consagrado atleta botafoguense Carlos Eduardo Carvalho, capitão da nossa equipe com 20 (vinte) gols e o melhor índice técnico foi o grande jogador Renê Nogueira de Paiva.

· Em outros campeonatos do ano, o BFR foi vice-campeão do Torneio de Estreantes. vice-campeão do Torneio infanto-Juvenil, vice-campeão da Taça Carioca da 1a Divisão, vice-campeão do juvenil.

· Os atletas botafoguenses Carlos Eduardo Carvalho, Walter Carlos Oliveira Bohrer, Solon dos Santos (goleador) e Renê Nogueira de Paiva, foram ainda campeões sul-americanos de Pólo-Aquático e o técnico da seleção brasileira, como não podia deixar de ser, foi o nosso dedicado Edson Perry (Barriga), que já perdeu a conta dos títulos e troféus ganhos na sua vitoriosa carreira. A todos eles nossos parabéns



CARLOS EDUAR CARVALHO


Fonte: Boletim Oficial do Botafogo no 239 de outubro de 1980
-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-
POLO AQUÁTICO
BOTAFOGO CAMPEÃO DO TORNEIO INTERNACIONAL


A equipe principal de pólo aquático do Botafogo conquistou o título do torneio internacional,  realizado recentemente na piscina do Mourisco, do qual participou o Schwhimm-Club 1900 E.V., da Alemanha Oriental, sob o patrocínio da CBN.

Eis os resultados do torneio:

Dia 16-4-81 - BFR 9 x 7 Sel.Bras.Juvenil;
Dia 17-4-81 - BFR. 12 x 4 Schwimm (Alemanha);
Dia 18-4-81 - BFR 9 x 9 Sel. Bras. Juvenil;
Dia 19-4-81 - BFR 6 x 9 Schwhimm (Alemanha).

Atletas que participaram (Botafogo):

1) Raul Rozeno Sogres (goleiro); 2) Renê Nogueira de Paiva; 3) Salim Khoury; 4) Carlos Eduardo Carvalho; 5) Walter Carlos O. Bhorer; 6) Solon dos Santos; 7) Guilherme A. Carvalho; 8) Carlos de Camargo B. Braga; 9) Osvaldo Días de A. Júnior; 10) André Luiz Pessanha Cordeiro.
Técnico: Edson Perri. 



RESULTADO FINAL

Botafogo FR - Campeão

Seleção Brasileira Juvenil - Vice-Campeã Schwimm (Alemanha) - 3P lugar 
O Botafogo ganhou um lindo troféu da CBN. Solon dos Santos foi o artilheiro com 15 gols.


Fonte: Boletim Oficial do Botafogo no 240 de maio de 1981
-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-
PÓLO AQUÁTICO, O GRANDE
DESTAQUE DO BOTAFOGO

O pólo aquático continua sendo uma das maiores forças do esporte amador do Clube, sob a segura orientação técnica do nosso consagrado Edson Perri (Barriga) e do seu grande auxiliar-técnico e famoso jogador Carlos Eduardo Carvalho, nosso conhecido e querido Carlinhos. Em 1981, o Botafogo já foi campeão infanto-juvenil, de 15 a 17 anos incompletos, com os seguintes atletas: Marco Aurélio Araújo, Luiz GuiIherme P. Magalhães, Antonio Zelasquett Khoury, Paulo Francisco J. de Abreu, Jorge Fabio Pinto da Gama, Hernani Das S. Flores Neto, Marco Aurélio R. Paiva, Luiz Carlos Reimão, Adriano Flávio R. Bastos e Fernando Marques Pinto.

OBS.: Prêmios ganhos pelo BFR;

- Campeão invicto.

Artilheiro do torneio: Paulo Francisco J. de Abreu (25 gols).

Goleiro menos vasado do torneio:Marco Aurélio

Melhor índice técnico do torneio: Paulo Francisco J. Abreu.

SELEÇÃO BRASILEIRA JUVENIL

Torneio Internacional - Local: BFR (Mourísco Mar).

VICE-CAMPEÃO

Atletas que participaram do Botafogo FR: Paulo Francisco Joazeiro de Abreu, Silvio Manfredi e Jorge Luiz Pessanha Cordeiro.
Técnico: Edson Perri. 

VIII CAMPEÃO SUL-AMERICANO-JUVENIL - SELEÇÃO BRASILEIRA – BRASIL - CAMPEÃO

Atletas do Botafogo que participaram: PauLo Francisco J . de Abreu, Sílvio Manfredi, Jorge L. P, Cordeiro. 
Técnico: Edson Perri

BOTAFOGO F. R.

TAÇA CARIOCA DE ADULTOS
Botafogo - Campeão Invicto

Atletas: Raul Rozeno Soares, Renê Nogueira de Paiva, Selim Zelaquett Khoury, Walter Carlos O. Bhorer, Solon dos Santos, Silvio Manfredi, Guilherme A. Carvalho, Paulo Francisco F. de Abreu, Oswaldo Dias A. Júnior, Jorge Luíz P. Cordeiro e Carlos Eduardo Carvalho. 
Técnico: Edson Perri.

TORNEIO DE PRINCIPIANTES
Botafogo FR 3o  Lugar

Atletas que participaram: André Luíz P. Cordeiro, Eduardo da Rocha Azevedo, Adriano Flávio F. Bastos, José Luiz B. Vaz, Carlos A. Alla dos Santos, Marco Aurélio R. Araujo, Marco Aurélio R. Paiva, Jorge Fábio P. da Gama.

TORNEIO INFANTIL (B) DE 13 A 15 ANOS incompletos

Botafogo 5o  Lugar

Atletas: André Luiz P. Cordeiro, Eduardo Lourenço Lopes, Luiz Alberto N. Marinho, Fernando M. Pinto, Valdo de Souza Melo, Cláudio Márcio E. da Silva, Mauro Schweizer Leite, Maurício Botelho M. da Silva, Marco Antonio dos S. Guerra, Charles Hudson Sesana e Salomão Santos.

III TORNEIO INTERFEDERATIVO INTERNACIONAL

SELEÇÃO DO RIO DE JANEIRO ADULTO

Rio de Janeiro - Campeão - Local (Mourisco Mar)

Atletas do Botafogo que participaram: Renê Nogueira de Paiva, Carlos Eduardo Carvalho, Walter Carlos O.Bhorer, Solon dos Santos, Selim Z.Khoury e Guilherme Antonio Carvalho.
Técnico: Edson Perri

TORNEIO INTERNACIONAL  - PATROCÍNIO DA CBN

Categoria: Adulto - Local - BFR (Mourisco Mar)

BOTAFOGO - CAMPEÃO

Atletas: Raul Rozeno Soares, Renê Nogueira de Paiva, Selim Zelaquett Khoury,
Carlos Eduardo Carvalho, Walter Carlos O. Bhorer, Solon dos Santos, Guilherme A. Carvalho, Carlos de Camargo P. Braga, Osvaldo Dias A.Júnior e André Luíz Pessanha Cordeiro.
Técnico: Edson Perrí.

OBS: O Botafogo FR ganhou um troféu da CBN. Solon dos Santos foi o artilheiro com 15 gols.


CAMPEONATO DE   ATÉ 19 ANOS INCOMPLETOS

Botafogo: Campeão Invicto

Atletas: André Luiz P. Cordeiro, Osvaldo Dias A. Júnior, Carlos de Camargo P. Braga, Paulo Francisco J.Abreu, Silvio Manfredi, Antonio Zelaquett Khoury, Sergio Amorim Torres, Gerson O. Mattos, Luíz Guilherme P.Magalhães, Carlos Alberto Alla do Santos e Jorge Luíz P. Cordeiro.

OBS.: Prêmios ganhos pelo BFR:

1 - Campeão Invicto - Um troféu da FARJ.

2 - Artilheiro: Paulo Francisco J. Abreu -  um troféu da FARJ.

3 - Melhor índice técnico: Paulo Francisco J. Abreu - um troféu da FARJ.

TORNEIO ABERTO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO - ADULTO

Botafogo - Vice-Campeão

Atletas: Raul Rozeno Soares, Renê Nogueira de Paiva, Selim Zelaquett Khoury, Carlos Eduardo Carvalho, Walter Carlos O. Bhorer, Solon dos Santos, Guilherme A. Carvalho, Ronaldo Amaral Chaves, Oswaldo Dias de A. Júnior, Sergio Amorim Torres, Jorge Luis P. Cordeiro, Gerson de Oliveira Matos, Orlando Amaral Chaves, Paulo Francisco J. Abreu, Sílvio Manfredí e Antonio Z. Khoury

AMISTOSO INTERNACIONAL DE JUVENIL

Botafogo - Campeão

Atletas: Jorge Luiz P. Cordeiro, Oswaldo Dias A. Júnior, Carlos de Camargo P. Braga, Paulo Francisco J. Abreu, Silvio Manfredí, Antonio Z. Khoury, Orlando Amaral Chaves, Octávio Amaral Chaves, Sergio Amorim Torres, Carlos A. Alla dos Santos, Gerson de O. Mattos, Guilherme P. Magalhães e André Luíz P. Cordeiro.

I CAMPEONATO PAN-AMERICANO DE JUVENIL

Local: Porto Rico - Cidade de Pance
Brasil: 3o  lugar

Atletas do Botafogo que participaram: Orlando Amaral Chaves, Paulo Francisco J. Abreu, Sílvo Manfredi e Antonio Z. Khoury. 
Técnico: Edson Perri.

Aqui, nesse campeonato, cabe um comentário todo especial: o Brasil comemorou 
sua classificação para disputar o Mundial, em setembro próximo.

Os brasileiros fizeram um pequeno carnaval, atirando técnico e reservas na Piscina "Victor Vasallo", para comemorar a conquista da medalha de bronze referente ao terceiro lugar no I Campeonato Pan-Americano de Pólo Aquático, categoria juvenil.
Manuel Morales Cabreanes, um dos dirigentes responsáveis pela organização do campeonato, declarou que a atuação da equipe brasileira "foi simplesmente sensacional". Na verdade, o terceiro lugar nesse Pan representa o melhor lugar obtido pelo pólo aquático do Brasil nos últimos 18 anos.
Com o terceiro lugar, os brasileiros estão classificados para disputar o Mundial, em setembro próximo, na Itália. E mais, o atacante Silvio Manfredi, do Botafogo, foi um dos eleitos pelos organizadores para integrar a "Seleção de Estrelas", formada pelos jogadores considerados como os melhores do I Pan-Americano.
Os demais eleitos para a "Seleção de Estrelas" são: o cubano Carlos Barreras, o mexicano Roberto Aguilar, o porto-riquenho Víctor de La Vega, o americano Diggy Riley, o canadense Ralf Kadrír e o colombiano Julio Garcia .

O OBJETIVO ERA BEM MODESTO: APENAS O 4o LUGAR

O técnico Edson Perry e o delegado brasileiro, Oswaldo Mauro, ficaram eufóricos: Fomos ao Pan pensando em lutar muito para obter um quarto lugar. E acabamos conquistando o terceiro, muito mais do que esperávamos. O Brasil tem que estar orgulhoso dos jovens que compõem nossa equipe  disse Oswaldo Mauro.

- Há dez anos que o Brasil não superava o México e ninguém acreditava que fôssemos capazes de ficar à frente do Canadá no pólo aquático. No entanto, aconteceu, está aí para quem quiser ver, e garanto que não foi obra do acaso - afirmou o nosso Edson Perri.

Sílvio Manfredi, do Botafogo, o artilheiro do Pan, estava ainda meio estupefato:

- É incrível, mas conseguimos a medalha de bronze.

O técnico da seleção de Porto Rico, Carlos Gonzalez, enalteceu o desempenho da equipe brasileira e fez seu prognóstico:

- Os brasileiros têm excelentes perspectivas no Mundial da Itália. Jogaram muito bem aqui e perderam por apenas um gol para potências do pólo aquático como Cuba e Estados Unidos.
Técnico Edson Perri "Barriga"

MANFREDI FOI O ARTILHEIRO

Silvio Manfredi, de 17 anos, nosso grande jogador, é canhoto e seu ataque desconcerta o adversário. Neste I Campeonato Pan-Americano havia um grande favorito para ser o artilheiro da competição, o americano Díggy Riley.

Mas Diggy Riley, com seus 22 gols, acabou sendo apenas o vice, Manfredi,que apurou sua tecnica no Botafogo, superou-o por dois gols, sendo aclamado artilheiro do Pan-Americano com 24 gols.
Na terceira e quarta posições ficaram, respectivamente, os cubanos Juan Barreras, com 18 gols, e Mario Bermudez, com 15, enquanto o porto-riquenho Victor de La Veja e os cubanos Jose Reyes e Nelson Lima empataram no quinto lugar, com 14 gols.

Na oitava colocação, com 12 gols, ficou o colombiano Juiio García, seguindo-se o 

canadense Lenny Jessome, em nono, com oito.
Nossos parabéns ao pessoal do pólo aquático do Botafogo, pela sua brilhante campanha  no decorrer do ano de 1981, que ainda não acabou, principalmente ao seu grande técnico Barriga e seu auxiliar Carlinhos, pela sua dedicação ao trabalho.

Fonte: Boletim Oficial do Botafogo no 241 de agosto de 1981
-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-


PÓLO-AQUÁTICO
GLÓRIA DO BOTAFOGO


O Pólo-Aquático é um esporte que consegue alcançar muitas vitórias no Botafogo. Há muitos anos que o nosso clube vem liderando a conquista de títulos nas mais diferentes categorias dessa pratica desportiva. E tudo isso sob a segura orientação técnica do nosso consagrado Édson Perri (Barriga) e do seu grande auxiliar-técnico e famoso jogador Carlos Eduardo Carvalho, nosso conhecido e querido Carlinhos, que, diga-se de passagem, casou recentemente.
Há anos que Barriga dirige todas as categorias do nosso Pólo-Aquático, sempre com muita dedicação e amor ao esporte e ao Botafogo. Dificilmente ele não é encontrado todas as tardes no Mourisco treinando a garotada.
Por isso mesmo, Barriga é tido como o técnico mais laureado do Brasil e desde que está no nosso Clube nunca deixou de ser campeão um ano em qualquer de suas categorias. Às vezes em varias categorias. Da mesma forma que, qualquer seleção brasileira formada neste período nunca deixou de possuir atletas do Botafogo.
Sem dúvida alguma, o Clube conta com um profissional de grande competência e dedicação proporcionando muitas e muitas vitórias para suas cores e também para o desporto nacional. A sua escolinha está sempre cheia de garotos entusiasmados pelo Pólo-Aquático. Ainda agora destaca-se um atleta já convocado para a seleção brasileira, com apenas 18 anos de idade Paulo Francisco Joazeiro de Abreu é a maior revelação do momento. com "cantadas" incríveis de outros clubes mas ele amigo do Barriga e do Botafogo, tem resistido a todas as propostas. É o caçula da seleção. Além dele foram convocados mais quatro atletas do Botafogo: Carlos Eduardo Carvalho, Sílvio Mantredl. Hélio Frederico Gomes da Silva e Orlando Amaral Chaves.

DEPOIS DE 16 ANOS O BRASIL VAI ÀS OLIMPÍADAS

Desde 1968 sem ir aos Jogos Olímpicos  o pólo-aquático brasileiro conseguiu uma vaga na Olimpíada de Los Angeles, graças às desistências da Nova Zelândia e do Egito.
O técnico Édson Perri convocou 13 jogadores que venceram o Sul-Americano no Rio, há um pouco mais de um mês. Ayrton Pontes e Marcus Vinícius. que pediram dispensa depois do Pré-Olímpico não foram chamados,
Perri disse que o "moral da equipe está alto", mas admitiu que as possibilidades de boa colocação em Los Angeles são remotas:

- Não dá nem pra pensar em se classificar bem. Mesmo assim, os garotos estão animados com a convocação. Mas vale a nossa presença nas Olimpíadas.


Para enfrentar grandes equipes como Estados Unidos, Itália, Iugoslávia e Espanha, Barriga pediu à Federação Carioca que forme um time para treinar com a seleção brasileira nos fins de semana. Dos 13 jogadores convocados, 10 são do Rio e três de São Paulo. Os convocados: goleiros: Roberto Borelli e André Nicolas; atacantes: Silvio Manfredi, Paulo de Abreu, Solon dos Santos, Fernando Carsalade, Mário Souto, Ricardo Márcio, Mario Lotufo, Eric Borges, Orlando Amaral, Carlos Eduardo Carvalho e Hélio Frederico. como dissemos, dos 13 convocados 5 são do Botafogo.




Fonte: Boletim Oficial do Botafogo no 243 de junho de 1984
-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-



POLO AQUÁTICO VENCE TORNEIO MUNICIPAL

O polo do BOTAFOGO montou seu "dream team". Pará, Kiko, Beto, Paulinho, Reynaldo, Rochinha, Chaia, Cadu, Luciano, Marco Aurelio, Rodrigo Torres e Rodrigo Carcioso são os meninos de ouro do polo nacional. A maioria deles já passou pela Seleção Brasileira - Reynaldo, Rochínha e Pará acabam de pedir dispensa , sob o comando do técnico Carlos Eduardo Carvalho e do preparador físico Claudio Morgado, todos agora no escrete alvinegro.

Esse time já disse a que veio: foi Campeão do Torneio Municipal de Polo Aquático, agora em maio. E prepara-se para disputar o Torneio de inverno, que começa em junho. E mais: da Seleção Brasileira de Polo Aquático que venceu o Campeonato Sulamericano, em abril, na categoria junior, três jogadores - Kiko, Beto e Paulinho - são do BOTAFOGO.

O novo time já gerou uma cria: a escolinha de polo do BOTAFOGO, reinagurada no final de março. O professor e o jogador Reynaldo Nunes, um dos quatro que vieram do Flamengo e integrante da seleção que trouxe para o Brasil a medalha de prata nos Jogos Pan-Americanos da Argentina.

O sucesso do pólo aquático tem sido tão grande que já foi montada uma equipe feminina nas categorias junior e adulto. As meninas que quiserem praticar polo aquático também podem se inscrever na escolinha, que a partir de agora é mista.

Com um time de primeira, formado por jogadores consagrados no esporte, e uma escolinha forte, o técnico acredita estar plantando uma semente no BOTAFOGO para que o clube recupere a força e o brilho que sempre teve no polo aquático. A escolinha funciona no Mourisco-Mar, de segunda a sexta-feira de 17h30 às 18h30, e está aberta a crianças de 8 a 14 anos. O único pré-requisito para entrar na escolinha é que a criança saiba nadar.

Fonte: Revista Oficial do Botafogo FR no 247 de 1995
-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-
Botafogo fica com o título da Liga Nacional de polo no último segundo
Rio de Janeiro - Botafogo e Sesi fizeram uma decisão de arrepiar até o último segundo, neste domingo (27/9), quando o clube carioca fez o gol da vitória por 11 a 10 e de sua primeira conquista na Liga Nacional/SuperLiga de Polo Aquático Masculino. 
O Sesi lutava pelo bicampeonato em sua segunda final na competição. As parciais foram de BFR 4-2 Ses, 2-2, 3-4 e 2-2. O gol do título veio a um segundo pro apito final por intermédio de Guilherme Gomes, quando já se esperava uma disputa de penaltis, na piscina coberta do Pinheiros, em São Paulo. 
Na decisão, o Sesi começou melhor e abriu 2 a 0 no placar. Mas ainda no primeiro quarto, o Botafogo virou e não ficou mais atrás no marcador, cedendo no máximo o empate. No quarto final, o Sesi chegou a nova igualdade aos 10 segundos pro fim com um gol de Tony Azevedo, artilheiro da decisão. Mas nove segundos depois, a alegria do Sesi passou definitivamente pro outro lado. Os gols da final: Botafogo = Nathan Power (2), Henrique Moniz (2), Guilherme Gomes (2), João Felipe Coelho (2), Bernardo Gomes, Caio Lima e Kiko Perrone. Sesi = Tony Azevedo (5), Paulo Salemi (3), Gustavo Grummy e Rudá Franco.
Na preliminar, vitória do Pinheiros sobre o Paulistano por 14-5 (ECP 1:1 CAP, 6:2, 4:1, 3:1). O clube anfitrião garantiu assim a medalha de bronze, na primeira vez em que não chega à final da Liga. Já o Paulistano teve a compensação de ver seu capitão, Gustavo Coutinho, o Guzinho, ser o artilheiro da Liga pela segunda vez consecutiva, agora com 40 gols, seguido pelo "xará" Gustavo "Grummy" Guimarães, do Sesi, com 32. O melhor goleiro foi Slobodan Soro, do Botafogo. Vide histórico da Liga mais abaixo
Na tranquila vitória do Pinheiros, os gols foram de Adrian Delgado (5), Marcelo Franco (2), Jonas Crivella (2), Emílio Vieira, Guilherme Borges, Ives Gonzalez, Iosse Gonzalez e Felipe Silva. Os gols do Paulistano foram de Logan Wolverine (2), Eric Wenzel, Gabriel Salgado e Douglas Magalhães. Desta vez, Gustavo Coutinho passou em branco. 
A classificação final da Liga Nacional ficou assim: 1) Botafogo / 2) Sesi / 3) Pinheiros / 4) Paulistano / 5) Paineiras do Morumby / 6) Flamengo. 
Jogadores da seleção disputam Ligas europeias - Com o fim da Liga Nacional 2015, os jogadores selecionáveis do Brasil foram inseridos nas principais e fortes Ligas europeias visando uma preparação mais apurada para os Jogos Rio 2016. A maioria vai atuar na Itália: os irmãos Bernardo e Guilherme Gomes, Paulo Salemi, Gustavo Grummy, Vinícius Antonelli, Ives Gonzalez, Jonas Crivella e Felipe Silva. Na Croácia já estão Felipe Perrone e Josip Vrlic e ainda vai chegar Bernardo Reis Rocha. Adrian Delgado vai para a Hungria, e por fim, Gustavo Coutinho e Rudá Franco atuarão na Espanha. 
Nas sete edições anteriores da Liga Nacional, os campeões foram Pinheiros (três vezes), Fluminense (três vezes) e Sesi, atual campeão. 
Histórico da Liga Nacional de Polo Aquático Masculino
2008 - 1) Pinheiros / 2) Fluminense / 3) Flamengo / Artilheiro Beto Seabra, 51 gols, e goleiro menos vazado Marcelo Chagas, ambos do Fluminense. 
2009 - 1) Pinheiros / 2) Fluminense / 3) Botafogo / Artilheiro André "Quito" Raposo, 33 gols, e goleiro menos vazado, Thyê Matos, ambos do Fluminense. 
2010 - 1) Pinheiros / 2) Fluminense / 3) Paulistano / Artilheiro Gabriel Reis, 40 gols, e goleiro menos vazado, Thyê Matos, ambos do Fluminense. 
2011 - 1) Fluminense / 2) Pinheiros / 3) Sesi / Artilheiro Grummy, do Sesi, 50 gols, e goleiro menos vazado, Marcelo Chagas, do Fluminense.
2012 - 1) Fluminense / 2) Pinheiros / 3) Sesi / Artilheiro Marcelo Franco, do Pinheiros, 36 gols, e goleiro menos vazado, Marcelo Chagas, do Fluminense. 
2013 - 1) Fluminense / 2) Sesi / 3) Pinheiros / Artilheiros Felipe Perrone, do Fluminense, e Marcelo Franco, do Pinheiros, empatados com 49 gols, e goleiro menos vazado, Marcelo Chagas, do Fluminense. 
2014 - 1) Sesi / 2) Pinheiros / 3) Paulistano / Artilheiro Gustavo Coutinho, do Paulistano, 59 gols, e goleiro menos vazado, Soro Slobodan, do Fluminense. 
2015 - 1) Botafogo / 2) Sesi / 3) Pinheiros / Artilheiro Gustavo Coutinho, do Paulistano, 40 gols, e goleiro menos vazado, Soro Slobodan, do Botafogo
Resultados da Liga Nacional 2015:
1º turno
Dia 15/9 - 3ª feira
Piscina do Botafogo: Botafogo 13 x 3 Flamengo / Piscina do Paulistano: Paineiras 4 x 10 Sesi / Pinheiros 12 x 9 Paulistano
Dia 17/9 - 5ª feira - piscina do Botafogo
Flamengo 9 x 11 Paineiras / Sesi 9 x 8 Paulistano / Botafogo 13 x 5 Pinheiros
Dia 18/9 - 6ª feira - piscina do Botafogo
Flamengo 8 x 13 Paulistano / Pinheiros 8 x 9 Sesi / Botafogo 10 x 6 Paineiras
Dia 19/9 - sábado - piscina do Botafogo
Flamengo 9 x 11 Pinheiros / Paineiras 8 x 9 Paulistano / Botafogo 5 x 7 Sesi 
Dia 20/9 - domingo - piscina do Botafogo
Flamengo 3 x 10 Sesi / Pinheiros 12 x 8 Paineiras / Botafogo 9 x 5 Paulistano
2º turno
Dia 22/9 - 3ª feira
Piscina do Botafogo - Botafogo 18 x 4 Flamengo
Piscina do Paulistano - Paulistano 8 x 9 Pinheiros / Paineiras 7 x 16 Sesi
Dia 23/9 - 4ª feira - piscina do Paulistano 
Flamengo 7 x 12 Paineiras / Paulistano 8 x 9 Sesi / Botafogo 3 x 6 Pinheiros 
Dia 24/9 - 5ª feira - piscina do Sesi
Flamengo 6 x 20 Paulistano / Botafogo x Paineiras / Sesi 5 x 9 Pinheiros / Paineiras 4 x 13 Paulistano / Flamengo 7 x 15 Pinheiros / Sesi 13 x 14 Botafogo
Dia 25/9 - 6ª feira - piscina do Sesi
Pinheiros 13 x 14 Paineiras / Botafogo 11 x 9 Paulistano / Sesi 8 x 2 Flamengo 
Semifinais
Dia 26/9 - sábado - piscina do Pinheiros
Sesi 8 x 7 Paulistano / Botafogo 13 x 9 Pinheiros
Finais

Dia 27/9 - domingo - piscina do Pinheiros
Disputa do bronze = Paulistano 5 x 14 Pinheiros / Final = Sesi 10 x 11 Botafogo

Fonte: SITE ESPORTEALTERNATIVO.COM.BR
-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-

O Botafogo é atualmente uma das maiores potências nacionais do Polo Aquático. Além de inúmeros títulos, o Alvinegro tem como costume revelar grandes nomes do esporte. O Glorioso passou a disputar também campeonatos femininos. Em 2009, a equipe conquistou o primeiro título no Campeonato Brasileiro Júnior, em São Paulo. Em 2010, o Glorioso sagrou-se campeão carioca invicto ao derrotar a equipe do Fluminense e vem colecionando feitos cada vez mais expressivos.

Em 2011, o Glorioso foi representado por Henrique Moniz e João Felipe Coelho no mundial de polo aquático de Xangai, na China. A dupla também integrou no mesmo a seleção brasileira que disputou os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, no México. Em 2012, foi eleito a Melhor Equipe de Polo do Brasil.

O ano de 2016, foi marcante para o Clube no esporte. Durante os Jogos Olímpicos, a seleção brasileira teve 6 jogadores do Botafogo. O time alcançou o 8º lugar na competição, numa campanha histórica. Nos campeonatos entre clubes, o Glorioso levou todos os troféus disputados, entre eles a Liga Nacional e o Sul-Americano.


Títulos recentes

+ Campeão da Liga Nacional de Pólo Aquático 2015
+ Campeão Sul-Americano Masculino Sênior Invicto na I Copa Mercosul de Clubes – 2009/2010
+ Campeão da Copa Internacional Sub-17 Masculino/Peru – 2010
+ Campeão da Copa Aquática Sub-17 Masculino Invicto/Chile;
+ 3° Lugar na Copa Brasil Sênior Masculino - 2010;
+ Campeão do Troféu João Havelange em 2005;
+ Vice-campeão da Taça Brasil em 2005, 2006 e 2009;
+ Campeão brasileiro infantil em 2003 e 2004;
+ Campeão brasileiro infanto-Juvenil em 2005;
+ Campeão brasileiro Júnior em 2008;
+ Campeão brasileiro Sub-21 em 2008;
+ Campeão carioca em 2005, 2006 e 2009;
+ Vice-campeão carioca 2003, 2004, 2007 e 2008.
+Campeão Brasileiro 2016 masculino
+Campeão Sul-Americano 2016 masculino
+Campeão da Super Liga Nacional Masculino
+Vice-Campeão Brasileiro 2016 Feminino
+ Vice-Campeão do Open Brasil Masculino 2017
+ Campeão Sul-Americano 2017
+ Campeão Sul-Americano 2018
+ Vice-campeão do Open Brasil 2018
+ Campeão Sul-Americano 2019

Fonte: Site Oficial do Botafogo FR
-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-
Botafogo Campeão Sul America de 2016

Sem a concorrência dos dez times que fazem parte da liga Pólo Aquático Brasil, o Botafogo mostrou mais uma vez que não tem adversários nos torneios organizados pela CBDA (Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos). Neste domingo, o time carioca levantou dois títulos: do Campeonato Sul-Americano de Pólo Aquático e da Superliga Nacional.

Das principais forças da modalidade no país, o Botafogo, que conta em seu elenco com a base da Seleção Brasileira que disputou a Olimpíada, foi a única a não romper com a CBDA e tem encontrado muita facilidade nos torneios nacionais organizados pela entidade. Na semana passada, foi campeão com folga da Liga Nacional, e disputou nesta semana o Campeonato Sul-Americano de Pólo Aquático.

O torneio aconteceu simultaneamente com o Brasil Open, organizado pela Liga Pólo Aquático Brasil, que foi decidido no sábado com uma partida emocionante e equilibrada que terminou com vitória do Pinheiros por 7 a 6 sobre o Sesi.

Enquanto isso, o Botafogo nadou de braçada no Sul-Americano de Pólo Aquático, que teve ainda como representantes brasileiros a Bauruense (SP), o Iate Clube (DF) e o Minas Brasília (DF), além dos estrangeiros Club Regatas Lima, do Peru, e Club Regatas de Santa Fé, Gymnasia Y Esgrima de Rosário (GER) e o Gymnasia Y Esgrima de Buenos Aires (GEBA), da Argentina.

A estreia do Fogão aconteceu na quinta-feira com uma vitória fácil sobre o GEBA por 22 a 8. Na sexta, o Botafogo massacrou o Regatas Santa Fé por 23 a 5 e o Minas Brasília por 20 a 1. Na semifinal, sábado, o Alvinegro não deu chances para o GER e venceu por 12 a 2. E, na final, neste domingo, bateu a Bauruense por 16 a 3, todos jogos vencidos com extrema facilidade. Conforme acordo entre os finalistas, o jogo valeu pela final do Sul-Americano e também como 2º jogo da SuperLiga Nacional. Como tinha vencido o primeiro jogo por 19 a 3, o Botafogo ficou também com este título.

O artilheiro do Sul-Americano de Pólo Aquático foi o canhoto húngaro Botond Szabo, touca nº 10 da Baurense, 24 anos, campeão mundial junior em 2007 pela Hungria. Ele foi autor do gol inicial da decisão. Jonas Crivella, #2 do Botafogo e integrante da seleção brasileira nos Jogos Rio 2016, fez o mesmo nº de gols de Szabo, 16, e foi considerado o melhor jogador do torneio. Já o premiadíssimo Slobodan Soro, sérvio de nascimento e naturalizado brasileiro, foi o melhor goleiro. Soro estava muito feliz ao fim do jogo. “Este é um caso histórico. Sou o primeiro jogador campeão da Liga Europeia, por duas vezes, e agora da Liga Sul-Americana”.

O argentino Gynasio Y Esgrima, de Rosário, conquistou a medalha de bronze ao vencer o também argentino Santa Fé por 7 a 6. Nos outros jogos do dia, o Iate Clube de Brasília venceu o também brasiliense Minas Brasília Aquapro por 4 a 1 e garantiu o 7º lugar. Na disputa da 5ª posição, vitória do Regatas Lima, do Peru, sobre o Gynasio Y Esgrima, de Buenos Aires, o Geba, por 14 a  13.

Todos os resultados do Campeonato Sul-Americano de Pólo Aquático
24/11/2016 – Quinta-feira

GER 9×11 Bauruense (1×4;3×0;2×4;3×3)
IATE 4×7 Regatas Lima (1×1;1×2;1×3;1×1)
Regatas Santa Fe 8×5 Minas Brasilia Aquapro (1×1;5×1;1×1;1×2)
Botafogo 22×8 GEBA (6×3;6×2;3×2;7×1)

25/11/2016 – Sexta-feira
09:00 GER 8×7 IATE (1×2;2×2;1×0;4×3)
10:15 GEBA 10×5 Minas Brasilia Aquapro (5×1;4×1;1×1;0x2)
11:30 Botafogo 23×5 Regatas Santa Fe (5×0; 5×3; 7×1; 6×1)
12:45 Bauruense 16×9 Regatas Lima (4×0;4×3;4×2;4×4)
—-
17:00 GEBA 8×10 Regatas Santa Fe
18:15 GER 9×5 Regatas Lima
19:30 Bauruense 7 x 6 IATE
20:45 Botafogo 20×1 Minas Brasilia Aquapro
—-
26/11/2016 – Sábado
15:00 Sf 5o a 8o – Regatas Lima 11 x 5 Minas Aquapro
16:15 Sf 5o a 8o – GEBA 16 x 4 IATE
17:30 Semi-final – Bauruense 7 x 6 Regatas Santa Fé
18:45 Semi-final – Botafogo 12 x 2GER
—–
Domingo
8:30 7o e 8o Minas 1 x 4 IATE
9:45 5o e 6o Regatas Lima 13 x 12 GEBA
11:00 3o e 4o Regatas Santa fé 6 x 7 GER
12:15 Final Bauruense 3 X 16 Botafogo

Fonte: olimpiadatododia.com.br
-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-
Polo aquático: Botafogo conquista o tetracampeonato sul-americano

Polo aquático: Botafogo conquista o tetracampeonato sul-americanoDivulgação/Botafogo
Mais um título sul-americano! Após conquistar a América no basquete na sexta-feira, o Botafogo foi tetracampeão do continente neste domingo no polo aquático, ao vencer o Antioquia (COL), por 10 a 9 na Colômbia.

Fonte: FOGAONET.COM.BR
-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-

BOTAFOGO TETRA CAMPEÃO DE POLO AQUATICO
O Botafogo sagrou-se hoje (15.12.2019) tetracampeão sul-americano no IV Campeonato Sul-americano de Clubes de Polo Aquático, o qual decorreu sob a responsabilidade da Confederación Sudamericana de Natación, que delegou a organização da competição à Federación Colombiana de Natación e à Liga de Natación de Antioquia (Medellín), disputada na Piscina Olímpica Horacio Martínez – Complexo Aquático da Unidad Deportiva Cristo Rey, em Copacabana, Antioquia (Colômbia).

O nosso Clube não financiou a ida dos atletas, cuja estadia foi paga pelos próprios e por alguns torcedores solidários, razão pela qual não foi possível deslocar um plantel com o número de atletas ideal. Ainda assim, os fantásticos atletas do Botafogo assumiram a espinhosa missão, superaram as dificuldades o melhor que puderam e honraram a instituição da qual somos apaixonados.

ESPERA-SE UMA COMEMORAÇÃO COM OS ATLETAS NO MOURISCO TÃO EXUBERANTE E COMOVENTE QUANTO A DE GENERAL SEVERIANO COM OS BASQUETEBOLISTAS!
TAÇA SUL AMERICANA DE POLO AQUÁTICO

Eis a campanha do Glorioso:

1ª FASE

Dia 12.12.2019
Botafogo FR 12x12 Antioquia A (Colômbia)

Dia 13.12.2019
Botafogo FR 06x10 GEBA – Club de Gimnasia y Esgrima (Argentina)

Dia 13.12.2019
Botafogo FR 16x14 Antioquia B (Colômbia)

SEMIFINAL

Dia 14.12.2019
Botafogo FR 12x04 GEBA – Club de Gimnasia y Esgrima (Argentina)

Jonas Crivella e Marcelo Chagas distinguidos!

FINAL

Dia 15.12.2019
Botafogo FR 10x09 Antioquia A (Colômbia)
» Parciais: 2-2; 3-3; 3-0; 2-4
» Gols: Jonas Crivella (6), Henrique Moniz (2), Fábio Bento (1) e Caio Lima 'Mamão' (1)
» Equipe: Bruno Nolasco, Caio Lima 'Mamão', Diego Mesa, Fábio Bento, Felipe Castano, Henrique Moniz, Jonas Crivella, Marcelo Chagas (goleiro), Matheus Crivella, Paulo Salemi e Santiago Orozco. Técnico: Ângelo Coelho.

SÍNTESE: 5 jogos, 3 vitórias, 1 empate e 1 derrota; saldo de gols: 56-49.

Jonas Crivella foi eleito o 'Melhor Jogador' da competição e Marcelo Chagas o 'Melhor Goleiro'.

Fonte: Pesquisa de Rui Moura (editor do blogue Mundo Botafogo).
-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-